RESPONDENDO SUA DÚVIDA

Tenho recebido algumas perguntas, como as que coloco a seguir, questionando sobre qual amelhor forma de convencer a esposa a ser uma verdadeira putinha.




"Caramba amo minha esposa e adoraria ver ela gemendo em outra pica mas ela não aceita o que faço?"

Nobres amigos,

O fato de ser "corno", atualmente é algo ainda mal visto pela sociedade em geral, fato que confirma a situação marginalizada desta fantasia.
Querer ser corno não é feio, coloque isso na sua cabeça.
Se solte, busque seu prazer e ainda mais o da sua amada.


Mas e o que tenho que fazer?? Vejamos...
TENTE DURANTE O SEXO:

-Escolha alguns bons filmes na sua locadora.
Certamente encontrará filmes com 3 pessoas. Muitas vezes dois comedores. Mas se tiver sorte encontra algum de corno.
Pode também encontrar videos de internet (vejo sempre os sites YouPron e Xvideos).

-Convide sua mulher pra cama e prepare um clima bem gostoso. Coloque o filme pra rodar e comece com as preliminares. Faça questão de que ela veja também o filme.

-Durante a transa converse com ela sobre o filme. Pergunte se ela se excita, se sente tesão, se tem curiosidade de ter outro prazeres.
Confirme pra ela que mesmo sendo casada é super normal ela sentir atração por outros homens, e que isto não é necessariamente uma traição.
Deixe ela a vontade e faça ela falar, se soltar, "abrir seu coração".

-Num primeiro momento ela ficará cheia de dúvidas, de questionamentos. Isso é normal. Mas cabe a você, futuro corno, administrar este momento.
Falar a ela que sempre apoiou ela e sempre irá apoiar em qualquer fantasia.
Ela poderá pensar que é uma desculpa sua para eventuais "puladas de cerca de sua parte", mas deixe bem claro a ela suas intensões e sempre jogue limpo.
Fale a ela do tamanho tesão que tem só de imaginar ela sendo possuida por outros machos. Mas cuide das palavras. Não assuste.

-Muito do que é dito na cama fica somente lá, já que o quarto é o terreno das fantasias. Após o sexo, quando estiverem naquele momento de recuperar as energias, converse com ela sobre o assunto, mas sem fazer pressão. Ela precisa gostar da idéia de ter um marido corno e se empolgar com a possibilidade de ter novas aventuras com o aval do maridinho.



Mas lembre-se, uma vez iniciada esta fantasia (e ela curtindo), não há volta. Sua esposinha vai tomar gosto pela coisa e o nível de vadiagem dela tende a subir exponencialmente. Isso pode ser muito bom, pode ser sim o que você busca para si e para ela.
Então aproveite e curta esta fantasia.

Para conselhos especiais e personalizados, escreva para nosso email e mande sua historia, pergunta ou relato.
Terei o maior prazer em ajudar.



ABRAÇOS DO ANJO.

fotos da internet

3 comentários:

  1. maravilhoso este blog estou seguindo e adorando beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi safada...
    que bom que estás adorando.
    Nós temos muito prazer em educar novos corninhos e putinhas...
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Muito legal...
    Se permitir vou criar uma página sobre o tema lá no blog...
    Abraços.
    Fe, marido da Fa

    ResponderExcluir