Realizando Fantasia com a esposa

Tenho uma fantasia com minha gata. Queria muito realizar.
Acho que não é nada muito complicado, apenas ainda não encontramos o homem ideal para ajudar nesta fantasia.

Na fantasia que eu imagino, primeiro eu iria vendar bem minha esposa. Deixa-la tranquila para a surpresa que está por vir.



Então o amigo comedor começaria a brincar com ela, toca-la. Sei que ela não aguentaria ficar muito tempo vendada. Mas isso não importa muito.


Então daria o pau pra ela chupar. Como é muita gulosa e adora uma pica, tenho certeza que sabará cuidar muito bem do cacete do amigo. 


Depois disso ele estará liberado pra meter gostoso nela, sem receio. Pode comer toda a bucetinha da minha vadia. Meter fundo!

Quero deixar os dois se divertirem muito. Sem tempo pra acabar. Pode comer ela na nossa cama de casal. Vou adorar saber que por ali passou um macho de verdade. 


E a brincadeira não pode acabar sem que ela volte a mamar gostoso o cacete dele até gozar. Pense numa mulher tarada por porra. É a minha!


Enchendo a boca dela de leitinho. Quente e grosso. Porra de macho de verdade. Depois disso vou beijar muito ela. Quero sentir o gosto da porra.




4 comentários:

  1. Comigo aconteceu parecido. Minha esposa vivia me cobrando a realização da fantasia de ser comida com os olhos vendados e algemada.
    Eu tenho um amigo de infância e de confiança, que sempre foi tarado pela minha esposa e já havia me confessado várias vezes a vontade de pelo menos vê-la nua.
    E numa mesma ocasião realizei dois fetiches. Combinei com meu amigo dele ficar escondido no meu apartamento e como deveríamos fazer para que ele finalmente visse minha princesa completamente nua. Foi tudo minunciosamente planejado e no momento em que minha esposa estava algemada e vendada (de quatro) eu fiz o sinal combinado préviamente e ele silenciosamente entrou no nosso quarto. Alisou e apalpou bastante o bundão da minha mulher, pegou nos peitos duros, enfiou os dedos na boceta e inclusive ele quem laceou e preparou o cuzinho dela para eu comer. Minha esposa gemia dengosa pensando o tempo todo que era eu.
    Enquanto eu comia o rabo da minha gata ele batia sua punheta pertinho da gente. Até hoje minha mulher nunca sequer desconfiou e meu amigo continua frequentando nossa casa como sempre. Só que agora ele disse que quer comer minha esposa, mas aí é outra história.

    ResponderExcluir
  2. Entre em contato comigo experiente com casais há vinte anos e vcs não vão se arrepender já fiz essa fantasia 11987473123

    ResponderExcluir